terça-feira, 10 de maio de 2011

Borandá Brasil, convida o Coral da UFC



O texto original desta postagem foi perdido no "apagão" do Blogspot dos dias 12 e 13 de maio de 2011. Esta segunda versão é baseada exclusivamente pela memória.

Borandá Brasil, convida o Coral da UFC
O Coral da Universidade Federal do Ceará apresenta a 2ª temporada do espetáculo cênico-musical Borandá Brasil nos três últimos finais de semana de maio no Teatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, em Fortaleza. Em Borandá Brasil, o Coral da UFC é uma trupe circense, que leva o público a um passeio itinerante pelo cancioneiro da música brasileira. O convite é para navegarmos pelas trilhas sonoras dos interiores do Brasil e dos brasileiros, apreciando o
canto coletivo que fala da formação da nossa pátria.

Um dos desafios do coral é interpretar as canções enquanto se movimenta pelo picadeiro em que é transformado o palco do Teatro Dragão do Mar. O cenário é uma alta lona de uma tenda de circo, e o público é envolvido em uma atmosfera sonora e lúdica de sonho, fantasia e magia. Truques de mágica são executados ao vivo e a plateia se surpreende, os presentes reavivam a curiosidade de sua criança interior. O trabalho musical do Borandá, como muitos carinhosamente se referem a esse projeto-espetáculo, dialoga com as linguagens artísticas do teatro, da dança, do circo, da cenografia, da iluminação, da maquiagem, do design de figurino. Borandá Brasil é mais um projeto do cinquentenário Coral da UFC (fundado em 1959) em que é realizada uma pesquisa abrangente na linha de coro cênico. O trabalho desenvolvido busca uma alternativa contemporânea para a tradicional formação de coral europeu. É um grupo de cantores que está em cena e não está parado, segurando comportadamente pastas com partituras das peças cantadas. Flauta, violão e percussão são os instrumentos musicais complementares, utilizados para afinar os cantores e dar apoio harmônico e rítmico às vozes do coral.

Sendo um coral misto (em que vozes masculinas e femininas atuam juntas), o Coral da UFC possui a formação da tetrafonia clássica, herdada da música europeia, do coro dividido em quatro naipes, as quatro vozes ou classificações vocais soprano, contralto, tenor e baixo (coro SATB).



Repertório
O repertório de Borandá Brasil é envolvente e diversificado, traz à tona a brasilidade, o sentimento de pertença, a valorização das identidades culturais do povo brasileiro. No espetáculo, ouvimos as sonoridades das raízes culturais do nosso país. O repertório integra as músicas indígena, regional nordestina, europeia e africana. Borandá de Edu Lobo e Procissão da Chuva de Cacilda Borges Barbosa e Wilson Rodrigues falam da seca do Nordeste brasileiro, do sertanejo que reza pedindo chuva e são músicas que tocam a alma pela sua beleza e sensibilidade. Jogo de Angola de Paulo César Pinheiro representa a contribuição cultural dos negros, a matriz africana e aborda a escravidão, o batuque, a capoeira. Cunhataiporã de Geraldo Espíndola apresenta o canto ritualístico indígena, os sons da mata, e é uma viagem em que todos estão à bordo de uma canoa descendo o rio Paraguai.

O coral interpreta Construção de Chico Buarque, seguindo as exigências de precisão métrica e complexidade estrutural da obra, momento emocionante que põe a plateia em estado de suspensão. Outra música de um contexto mais urbano é Tropicália de Caetano Veloso, canção de cunho político, de resistência ao autoritarismo do regime militar no Brasil. No arranjo de Tropicália, o coral faz sons vocais imitando guitarras elétricas distorcidas. Outras surpresas no programa já são conhecidas de quem já foi, que tem este mês a oportunidade de rever o Coral da UFC e convidar quem ainda não assistiu ao Borandá Brasil.

A atual temporada é uma releitura da primeira montagem de Borandá Brasil de 2004. Em 2005, o coral fez uma turnê pela Alemanha. Após essa temporada nos três últimos finais de semana de maio, o Coral da UFC fará uma turnê em novembro de 2011 no interior de São Paulo e na Austrália.

Serviço:
Coral da UFC apresenta Borandá Brasil -
Teatro Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
Únicas apresentações nos dias 14, 15, 21, 22, 28 e 29 de maio de 2011.
Horário: 20h15min
Ingressos: R$14,00 / R$7,00
Mais informações no site oficial: www.coral.ufc.br
pelo twitter: @coraldaufc

Entrevista da seção Artista da Semana com o Coral da UFC - Site da Rádio Universitária FM:
http://www.radiouniversitariafm.com.br/oktiva.net/2213/nota/157824

Marco Leonel Fukuda
Músico e estudante de Jornalismo



3 comentários:

Coral disse...

ótima postagem!

Lia. disse...

É isso aí! Borandá Brasil está maravilhoso. Adorei a postagem!

Lia. disse...

Ótima postagem! Como sempre textos e dicas muito boas eu encontro por aqui!